ingredientes para feijoada

Dicas para inovar na hora de preparar uma feijoada

A feijoada é um prato tradicional brasileiro e é bastante popular, apreciada pela maioria da população brasileira. Além do mais, a feijoada é a desculpa perfeita para reunir amigos e familiares aos sábados ou domingos.

Além de deliciosa, um bom buffet de feijoada não é tão difícil de ser feito, mas é necessário seguir um ritual. Olha só!

Origem da Feijoada

O tradicional prato brasileiro tem origem na herança dos colonizadores portugueses que, ao virem para o Brasil, costumavam saborear cozidos em uma base de feijão branco, linguiças e carnes variadas.

Mas em 1833 deu-se origem a feijoada brasileira e com ela a substituição do feijão branco pelo feijão preto, muito mais gostoso.

Desde então, a feijoada, que era “comida de ricos”, foi se popularizando até chegar a todas as pessoas e classes sociais.

Como fazer feijoada

Apesar de ser um prato relativamente fácil de ser preparado, nem todos conseguem acertar no preparo de uma boa feijoada.

Desse modo, é sempre útil algumas dicas de preparo que vão desde a escolha de seus ingredientes até o momento em que ela é posta à mesa.

Para fazer uma boa feijoada é necessário um ritual e tempo dedicado à sua preparação e algumas dicas são:

1- Coloque os feijões de molho

Hidratar os grãos é parte fundamental na hora de preparar a feijoada, e o tempo dessa hidratação também deve ser levado em consideração: coloque-os numa bacia com água por no mínimo 12 horas e troque a água três vezes durante este período.

2- Use ingredientes de boa qualidade

Provavelmente, isso é feito com frequência, pois ninguém costuma comprar ingredientes ruins, mas vale a pena frisar, pois ao escolher temperos e ingredientes que você conhece a procedência, faz com que a feijoada possa ficar ainda mais gostosa.

3- Dessalgue as carnes

Nessa etapa, é recomendado que você dessalgue a carne de um dia para o outro e de preferência, com água gelada.

Além do mais, troque a água com frequência, pois quanto mais tempo dessalgando a carne, menores as possibilidades de a feijoada ficar salgada em excesso.

4- Selecione boas carnes

Toda boa feijoada tem que ter carnes boas, então escolha boas peças de costela, carne seca, linguiça, além de outras que você queira usar.

5- Selecione os temperos

Qualquer prato necessita de temperos para deixar as receitas mais gostosas, portanto, com a feijoada não é diferente.

Uma dica é usar folhas de louro e tomilho e cozinhá-los juntos com o feijão.

6- Prepare a feijoada um dia antes

Se você fizer a feijoada com antecedência, nesse tempo em que ela fica “guardada”, os ingredientes vão “apurando” e isso faz com que o resultado final seja ainda mais saboroso na hora de comer.

7- Engrosse o caldo

Outro ponto que deixa a feijoada saborosa é quando o caldo está mais grosso. Como fazer isso?

Após o feijão e a carne estarem cozidos, deixe a panela no fogo baixo, sem a tampa e por 15 minutos. Pronto. O caldo engrossará.

feijao preto num cesto

8- Use uma panela de barro

Há quem diga que as comidas ficam mais gostosas quando feitas em panelas de barro, no caso da feijoada, fica mesmo.

Isso acontece porque ela acaba sendo cozida de forma uniforme e a panela de barro faz com que a feijoada fique pronta mais rápido.

Após seguir todas estas etapas, a feijoada estará pronta para ser servida com algum acompanhamento, de preferência: couve refogada, arroz-branco, fatias de laranja e um bom molho de pimenta.

Mas se você achou muito difícil preparar uma feijoada sozinho, nem tudo está perdido. Você pode contratar o serviço de buffet de feijoada, oferecido por empresas qualificadas. Não perca tempo e aproveite o clima de inverno para saborear este delicioso prato!

Alimentação Ao Viajar De Avião

Dicas E Cuidados Com A Alimentação Ao Viajar De Avião

Esta parece uma preocupação sem sentido, mas de fato não é. Problemas do trato intestinal estão na lista das maiores ocorrências médicas em todo o mundo, e é melhor se prevenir contra estas situações no mínimo desagradáveis.

Se você vai viajar, o tópico de alimentação deve estar na sua lista de itens a conferir, principalmente para quem viaja com crianças ou idosos, que podem ser ainda mais sensíveis. Já imaginou o quanto pode ser constrangedor enfrentar uma dor de barriga em pleno voo? Além do desconforto físico, isso pode causar mal-estar entre os demais passageiros. Se você quer evitar passar por uma situação assim, confira as nossas quatro dicas.

1 – Leve sempre algum lanchinho na bolsa

De vez em quando, a fome chega sem avisar, e é bom estar preparado. Para isso, tenha sempre um lanchinho rápido e prático na bolsa, como uma fruta, biscoitos e bolachas, barrinhas de cereais, nuts e sanduíches. Quando acompanhado de crianças, é sempre bom ter uma água ou suco também. Somente atente-se quanto as embalagens e demais restrições que possam haver junto à cia. aérea.

Essa é uma boa dica de economia, inclusive. Os preços das comidas, bebidas e sobremesas a bordo podem ser bem caros. Se você é daqueles que prefere economizar no voo para aproveitar depois, anote essa dica.

2 – Cuidado com as intolerâncias

Algumas pessoas possuem intolerância a determinados alimentos (como glúten, lactose ou crustáceos), e nem sempre dá para saber se há ou não a presença destes ingredientes nas comidas. Seja a bordo ou já no destino final, se você é intolerante, é sempre bom consultar um médico e verificar a possibilidade de ingerir algum medicamento que iniba o efeito nocivo dos agentes causadores da intolerância. Deste modo, você poderá aproveitar a viagem sem medo.

3 – Evite bebidas alcoólicas

Pode parecer uma boa ideia ingerir uma dose de bebida alcoólica antes de embarcar, para reduzir o estresse ou o medo da viagem, mas essa não é uma escolha assertiva. A desidratação causada pelo consumo deste tipo de bebida favorece a formação de coágulos sanguíneos, algo que já se está propenso durante voos longo em pessoas de risco.

4 – Fuja dos alimentos pesados ou gordurosos

Se eles já causam desconforto em terra, imagine nas alturas? Evitar esses alimentos irá te garantir um voo mais confortável, sem gases ou dores abdominais, diminuindo o risco das temidas diarreias. A dica vale tanto para a ida quanto para a volta e, principalmente, nos voos de longa duração.

Tomando os devidos cuidados, você estará garantindo uma viagem muito mais tranquila e confortável. No entanto, imprevistos podem ocorrer até ao mais prevenido dos homens, por isso, vale a pena investir em um seguro de saúde para viagem.

Com ele, você conta com o amparo e atendimento necessários a qualquer emergência, além de assistência médica e hospitalar e despesas farmacêuticas. O mesmo pode ser contratado tanto para viagens nacionais quanto internacionais e irá adicionar à sua bagagem proteção e segurança, na hora em que você mais precisar.

mesa decorada

3 opções de cardápio para comemorar a Páscoa em família

A Páscoa é uma linda celebração e especialmente quando as famílias são reunidas, é preciso caprichar no cardápio para que todos se sintam muito bem servidos e a celebração seja ainda melhor, com as deliciosas comidas sobre a mesa. Para te ajudar, selecionamos 3 opções de cardápio para comemorar a Páscoa em família.

Celebrando a Páscoa em família

Em um momento em que toda a família estará reunida, uma das opções para que essa seja uma bela e divertida celebração, é selecionar os pratos preferidos de algumas pessoas e quando possível, de todos os convidados.

Dessa forma, a pessoa irá se sentir muito mais acolhida e querida ao perceber que você se deu ao trabalho de pensar em fazer algo que ela realmente gosta de comer.

Mas para outros casos em que você quer inovar ou apenas deseja fazer uma outra opção de prato, vamos apresentar aqui três opções que podem ser do agrado de qualquer pessoa e ainda, que irá tornar essa uma celebração muito especial.

Filé mignon com batatas rústicas

Ingredientes

4 batatas médias

Azeite a gosto

Sal a gosto

1 ramo de alecrim

4 dentes de alho

4 cortes de filé mignon com 250 g cada um

Alho a gosto

Pimenta a gosto

Molho barbecue pronto

Modo de Preparo

Lave as batatas e corte em pedaços, leve para cozinhar em água fervente até ficar “al dente”. Depois, mergulhe-as em água fria;

Tempere com azeite e sal, adicione o alecrim e os dentes de alho e leve ao forno pré-aquecido a 180°C por dez minutos;

Para o filé mignon, tempere com o alho e pimenta e depois grelhe em fogo médio.

Para servir, você pode colocar as batatas enfileiradas no centro do prato, com o filé por cima e termine com o molho barbecue.

Se desejar, pode fazer um arroz à grega ou ainda um belo salpicão, para complementar o cardápio.

E claro que você não pode se esquecer da sobremesa, por mais que adultos e crianças ganhem ovos de chocolate, uma sobremesa é sempre bem-vinda e até mesmo, para fugir um pouco do chocolate, que estará em alta.

Buffet de churrasco

Nada como um bom churrasco com carnes deliciosas e de qualidade para celebrar em família essa data tão bela.

O buffet de churrasco é também uma excelente opção para você que vai oferecer

carne mal passada

 um belo almoço para os seus convidados durante a Páscoa.

Você pode contratar uma equipe especializada neste serviço, para proporcionar o melhor aos seus convidados e ainda, poder desfrutar da companhia das pessoas que você ama, sem ter que se preocupar com o bom andamento da cozinha.

 

Salmão com crosta crocante e molho de maracujá 

Ingredientes

4 filés de salmão

1 dente de alho picado

1 colher (sopa) de gengibre ralado

Sal e pimenta-do-reino branca a gosto

Crosta

2 colheres (sopa) de manteiga

1 xícara (chá) de amêndoas trituradas

2 colheres (sopa) de farinha de rosca

Molho

2 colheres (sopa) de manteiga

1/2 cebola picada

1 dente de alho picado

1 xícara (chá) de suco de maracujá concentrado

1 colher (chá) de maisena

Polpa de 1 maracujá

Sal e pimenta-do-reino branca a gosto

1/2 caixa de creme de leite (100g)

Modo de preparo

Quando começar a fazer o molho, leve uma panela ao fogo médio com a manteiga e frite a cebola e o alho.

Adicione o suco de maracujá com a maisena dissolvida, a polpa de maracujá, sal, pimenta e cozinhe, mexendo até engrossar. Quando perceber que chegou ao ponto correto, desligue e misture o creme de leite.

Tempere os filés de salmão com o alho, o gengibre, sal e pimenta.

Utilize uma forma forrada com papel-alumínio, coloque sobre cada filé uma camada da crosta reservada.

Cubra com papel-alumínio e leve ao forno médio, preaquecido, por 20 minutos.

Depois de retirar o papel alumínio, transfira para uma travessa e adicione o molho de maracujá.

 

Com essas receitas maravilhosas, você pode ter certeza de que todos os seus convidados vão se deliciar e aproveitar ao máximo esse momento de celebração único que é a Páscoa.