Alimentação Ao Viajar De Avião

Dicas E Cuidados Com A Alimentação Ao Viajar De Avião

Esta parece uma preocupação sem sentido, mas de fato não é. Problemas do trato intestinal estão na lista das maiores ocorrências médicas em todo o mundo, e é melhor se prevenir contra estas situações no mínimo desagradáveis.

Se você vai viajar, o tópico de alimentação deve estar na sua lista de itens a conferir, principalmente para quem viaja com crianças ou idosos, que podem ser ainda mais sensíveis. Já imaginou o quanto pode ser constrangedor enfrentar uma dor de barriga em pleno voo? Além do desconforto físico, isso pode causar mal-estar entre os demais passageiros. Se você quer evitar passar por uma situação assim, confira as nossas quatro dicas.

1 – Leve sempre algum lanchinho na bolsa

De vez em quando, a fome chega sem avisar, e é bom estar preparado. Para isso, tenha sempre um lanchinho rápido e prático na bolsa, como uma fruta, biscoitos e bolachas, barrinhas de cereais, nuts e sanduíches. Quando acompanhado de crianças, é sempre bom ter uma água ou suco também. Somente atente-se quanto as embalagens e demais restrições que possam haver junto à cia. aérea.

Essa é uma boa dica de economia, inclusive. Os preços das comidas, bebidas e sobremesas a bordo podem ser bem caros. Se você é daqueles que prefere economizar no voo para aproveitar depois, anote essa dica.

2 – Cuidado com as intolerâncias

Algumas pessoas possuem intolerância a determinados alimentos (como glúten, lactose ou crustáceos), e nem sempre dá para saber se há ou não a presença destes ingredientes nas comidas. Seja a bordo ou já no destino final, se você é intolerante, é sempre bom consultar um médico e verificar a possibilidade de ingerir algum medicamento que iniba o efeito nocivo dos agentes causadores da intolerância. Deste modo, você poderá aproveitar a viagem sem medo.

3 – Evite bebidas alcoólicas

Pode parecer uma boa ideia ingerir uma dose de bebida alcoólica antes de embarcar, para reduzir o estresse ou o medo da viagem, mas essa não é uma escolha assertiva. A desidratação causada pelo consumo deste tipo de bebida favorece a formação de coágulos sanguíneos, algo que já se está propenso durante voos longo em pessoas de risco.

4 – Fuja dos alimentos pesados ou gordurosos

Se eles já causam desconforto em terra, imagine nas alturas? Evitar esses alimentos irá te garantir um voo mais confortável, sem gases ou dores abdominais, diminuindo o risco das temidas diarreias. A dica vale tanto para a ida quanto para a volta e, principalmente, nos voos de longa duração.

Tomando os devidos cuidados, você estará garantindo uma viagem muito mais tranquila e confortável. No entanto, imprevistos podem ocorrer até ao mais prevenido dos homens, por isso, vale a pena investir em um seguro de saúde para viagem.

Com ele, você conta com o amparo e atendimento necessários a qualquer emergência, além de assistência médica e hospitalar e despesas farmacêuticas. O mesmo pode ser contratado tanto para viagens nacionais quanto internacionais e irá adicionar à sua bagagem proteção e segurança, na hora em que você mais precisar.